04/10/2013

||| apreender o património sem sair à rua...


||| ... "ó professor, que seca, vamos para um museu?". não, não vamos. vamos falar de património. "então vamos onde?". para a rua, as ruas, ver e falar com as pessoas.  "a sério?". sim. antes de irem para um museu ou um monumento vamos conhecer o património que as pessoas habitam. esta cidade está cheia de "estórias" e lugares com história. passam por eles todos os dias. nos museus estão as coisas que alguém acha importante e que precisam de ser descodificadas. os pintores, escritores, artistas, inventores também se inspiram no real. nas ruas, está o património social. aquele que é preciso "ir ao encontro" para o "encontrar". vamos de máquina fotográfica na mão falar de património pelas ruas. "ó professor é para fazer o quê?". ouvir, ver e pensar. o resto é na aula daqui a quinze dias. e assim preparei as duas aulas seguintes... com as dúvidas dos meus alunos e a certeza que os lugares, o contacto com o real e a sala de aula a céu aberto são caminhos únicos para o entendimento da palavra património...