06/11/2014

||| é o cansaço, sim...


||| ... nos rostos, uns dos outros. nas coisas que queremos dizer e faltam as palavras porque a mente está cansada. no gerir milhares de coisas ao mesmo tempo. e os miúdos, impossíveis. e os outros, possíveis, mas para os quais quase não temos tempo para ouvir. as reuniões inuteis intermináveis. tudo, em excesso. como o cansaço que se acumula, dia após dia, num crescendo que retira beleza e força a tudo o resto. e a razão é a distância imensa entre quem manda e quem faz. entre a realidade a política educativa. entre aquilo que era preciso e aquilo que existe. mas o cansaço é maior do que qualquer lógica. seja ela qual for...

Sem comentários:

Enviar um comentário